A gestão de pessoas tem passado por uma grande transformação digital, especialmente quando se trata do processo de recrutamento e seleção. Por essa razão, hoje o software de recrutamento é importantíssimo.

Essa ferramenta ajuda a aprimorar cada etapa do processo e da divulgação das vagas abertas — da triagem dos principais currículos até o monitoramento dos indicadores de desempenho. Isso garante mais agilidade, acerto e eficiência ao setor de RH.

No entanto, ainda há várias dúvidas na hora de escolher o software de recrutamento ideal. Deve-se considerar a reputação do fornecedor, o custo-benefício e as principais funcionalidades. Continue a leitura deste artigo e saiba mais sobre o assunto!

Quais são os benefícios do software de recrutamento?

Redução de custos operacionais

Há uma série de custos envolvidos no processo de recrutamento e seleção de talentos. Gastos com anúncios, dinâmicas e entrevistas são só alguns exemplos — ainda existem custos proveniente de erros e do retrabalho ao longo do processo.

Um software de recrutamento ajuda a controlar e aprimorar cada etapa, garantindo que se tenha um maior retorno sobre o investimento (ROI). Além disso, boa parte do processo será automatizada e permitirá que o profissional de RH foque em outras tarefas importantes (mitigando custos com mão de obra).

Atração de novos talentos

Atrair novos talentos é uma prioridade diária. Quando mais profissionais de ponta tiverem interesse em fazer parte do seu time, mais fácil será selecionar o ideal para cada vaga aberta.

O software permite uma maior interação com as redes sociais, garantindo que mais profissionais talentosos tenham acesso ao anúncio de trabalho. Além disso, a ferramenta centraliza a comunicação, o que permite tirar as dúvidas dos candidatos de maneira mais rápida e engajá-los ao longo de todo o processo seletivo.

Melhoria do processo de seleção

O recrutamento é um processo desafiador! É necessário encontrar profissionais com competências técnicas adequadas ao cargo e com valores alinhados à empresa.

Nesse caso, a tecnologia é uma das principais soluções. Um bom software de recrutamento e seleção ajuda a padronizar processos, automatizar o fluxo de trabalho e monitorar os indicadores-chave de desempenho, permitindo que o especialista em RH identifique o que está saindo de acordo com o planejado. Assim, erros poderão ser eliminados.

Como escolher o melhor software para a sua empresa?

A seguir, listamos algumas dicas para escolher a melhor ferramenta. Acompanhe:

Reflita sobre os problemas que você quer resolver

Olhe para o atual processo de recrutamento e seleção e defina quais “gargalos” você quer solucionar — e depois estabeleça a ordem de prioridade. A falta de comunicação com os candidatos e a ausência de indicadores são bons exemplos de situações que devem ser resolvidas.

Essa tarefa não é difícil, afinal, o recrutamento é um desafio por si só. Ao entrevistar 41 mil empregadores, a consultoria ManpowerGroup descobriu que 38% deles têm dificuldades em preencher postos de trabalho.

Com essa primeira tarefa, é possível identificar um software que esteja alinhado com as suas prioridades, garantindo a otimização dos pontos que você considera mais importantes. Logo, o setor de RH é beneficiado.

Avalie a facilidade de acesso

Mesmo hoje em dia, muito softwares precisam ser instalados no computador, o que gera um grande fluxo de trabalho na hora da instalação. Por vezes, é necessário contar com um profissional de Tecnologia da Informação (TI).

Todavia, esse tipo de software é obsoleto e afasta o RH da verdadeira revolução digital. Mais do que nunca, é preciso contar com plataformas em nuvem, que podem ser acessadas de todo lugar e horário, sem instalação.

Em razão disso, avalie se o software pode ser facilmente acessado ou se precisa ser instalado no computador. Dê preferência aos sistemas que operam em nuvem, afinal, são mais ágeis, seguros e flexíveis para acessar.

Fique atento às principais funcionalidades

O processo de recrutamento e seleção de talentos é composto de uma série de tarefas: entrevistas, dinâmicas, testes, triagens e assim por diante. Quais são as funções do software e como podem ajudar nessas atividades?

Para responder a essa questão, é preciso conhecer o software a fundo. Entre em contato com o fornecedor da tecnologia, busque feedbacks de quem já usa a ferramenta ou pesquise as informações disponíveis na internet — por meio do site ou blog oficial do fornecedor, por exemplo.

Funcionalidades como integração das redes sociais, automação do fluxo de trabalho, realização de entrevistas online e painel de controle (dashboard) dos indicadores fazem toda a diferença. Sendo assim, é preciso buscá-las!

Ouça o feedback de quem usa o software

Quais empresas usam o software que você quer adquirir? É importante fazer essa pesquisa! Se outros negócios usam e aprovam o sistema, é sinal de que ele está contribuindo para o sucesso do recrutamento de talentos.

O mais adequado é buscar pelo feedback de quem usa o software. Questione-os sobre a experiência com o sistema, os pontos fortes e as principais limitações. Assim você terá mais certeza na hora da escolha.

Outra possibilidade é pesquisar casos de sucesso. Converse com o fornecedor, procure entender como outras empresas estão sendo beneficiadas e o que exatamente está sendo melhorado.

Qual é o custo-benefício ideal?

Toda empresa tem recursos financeiros limitados e deve utilizá-los de maneira eficiente, caso contrário terá grandes prejuízos. Em razão disso, para fazer uma boa escolha é necessário analisar o custo-benefício do software.

Busque o meio-termo: um software que tenha preço competitivo e boas funcionalidades. Para saber se o valor do software e as funcionalidades estão na média do mercado, é preciso pesquisar. Consulte no mínimo 3 ou 4 fornecedores, conheça as principais vantagens de cada sistema e entenda como eles podem contribuir para o crescimento do negócio. Depois, escolha de maneira consciente.

É preciso considerar uma série de fatores para escolher o melhor software de recrutamento, mas todo o trabalho certamente vale a pena. Uma boa tecnologia ajuda a mitigar custos, automatizar processos, atrair profissionais talentosos, entre outras vantagens. Logo, toda a empresa é beneficiada!

Gostou do artigo? Então aproveite para entrar em contato conosco e conhecer a solução que separamos para você!

Escreva um comentário