É fácil entender o que é uma página de carreiras. Consiste em um local web no qual você pode anunciar suas vagas de trabalho e falar um pouco da empresa (sua filosofia e local de trabalho, por exemplo), no intuito de chamar a atenção de candidatos talentosos. Uma dúvida recorrente, porém, é: como construir uma página de carreiras atraente e funcional?

Antes de explicar, é preciso conhecer um pouco mais dos benefícios ligados ao assunto. A página de carreiras permite que a empresa reforce sua marca empregadora, obtendo mais prestígio com os profissionais que estão no mercado de trabalho. E mais, alavanque seus resultados em termos de recrutamento e seleção (R&) e formação de equipes de trabalho.

Nos tópicos seguintes, vamos apresentar 6 boas práticas de como construir uma página de carreiras atrativa aos talentos do mercado. Portanto, continue atentamente com a leitura.

1. Encontre uma boa base web

Primeiro, é preciso entender que sua página estará baseada na web. É um local de fácil acesso e interação, o que já é uma grande vantagem. No entanto, existem algumas bases que permitem a indexação da sua página de carreiras, algumas delas são:

  1. redes sociais;
  2. plataformas de recrutamento e seleção;
  3. sites corporativos.

Essas bases podem variar em três principais itens: custo total, flexibilidade e segurança da informação. Um site corporativo, que é feito do zero, geralmente tem um custo mais elevado, mas também apresenta maior flexibilidade e segurança mediana.

Portanto, é preciso analisar o que mais se adequa ao interesse e orçamento do seu empreendimento. Nesse caso, uma dica interessante é contar com a ajuda do setor de TI, afinal, quando o assunto é tecnologia da informação, ele é o referencial da sua empresa.

2. Saiba quais informações incluir — e quais não incluir

A página de carreira tem alguns objetivos-chave, sendo os principais: reforçar a marca empregadora da empresa, melhorar a relação com os profissionais talentosos que estão no mercado de trabalho e anunciar novas oportunidades de trabalho.

Tendo isso em vista, é preciso pensar no que incluir — e não incluir — na sua página. Caso inclua muita informação, esses objetivos-chave podem ficar em segundo plano e nunca ser totalmente alcançados. E mais, pode criar uma página desagradável aos profissionais.

Então, para definir o que incluir, pense em duas questões: isso é relevante aos candidatos? isso ajuda a reforçar a marca empregadora da empresa? Se a resposta for “sim” para uma ou as duas questões, ótimo. Se não, talvez não seja uma boa opção incluir essa informação.

3. Inclua fotos e vídeos da empresa

Para tornar a página de carreiras um local mais dinâmico, é interessante contar com a ajuda de fotos e vídeos do local de trabalho e seus atuais colaboradores. Desse modo, torna-se mais fácil transmitir a missão, visão e valores que norteiam o empreendimento.

As fotos são fáceis de adotar, até porque existem em grande volume e são leves. É possível veicular fotos de treinamentos, eventos oficiais, comemorações e dinâmicas fora da empresa, entre outras coisas. É até interessante criar uma hashtag oficial da empresa.

Os vídeos também são úteis. Você pode gravar o depoimento de atuais empregados ou líderes de equipe, no qual expliquem porquê é vantajoso fazer parte da empresa. Ou, ainda, gravar momentos de premiações ou confraternizações. Enfim, não existem muitas regras.

4. Transforme os atuais empregados em promotores

Para deixar sua página de carreiras atraente, uma dica muito importante é transformar os atuais empregados em verdadeiros promotores da sua marca. Isso significa que eles devem vender (de forma autêntica) a marca da empresa como um ótimo local para trabalhar.

Para tal fim, crie depoimentos dos atuais empregados (em texto ou vídeo) onde explicam como é trabalhar na empresa, quais são os principais desafios diários e o que eles estão aprendendo na prática. Aproveite para falar do trabalho em equipe e outros pontos fortes.

Outra coisa interessante é, se possível, criar pequenos casos de sucesso. Mostre como os profissionais que entraram na empresa puderam crescer com o tempo, atingindo posições mais elevadas ou se especializando em determinados tipos de trabalho. Isso é animador.

5. Anuncie suas vagas de maneira dinâmica

Com as dicas que obteve até aqui, terá mais facilidade de criar uma boa página de carreiras. Porém, elas não são suficientes. Quase ninguém visita uma página apenas para conhecer a empresa. Os também profissionais querem conhecer as oportunidades de trabalho.

Nesse caso, é crucial veicular suas oportunidades de trabalho. Quais cargos estão vagos e precisam ser supridos nos próximos meses? O que é necessário para participar do processo seletivo? São perguntas comumente feitas pelos visitantes da página de carreiras.

Todavia, é preciso ter cuidado para não colocar anúncios chatos e enfadonhos, como se fosse apenas mais um protocolo corporativo. É preciso caprichar na descrição, saber como vender o “peixe” da empresa e atrair os profissionais. Assim, terá mais chances de êxito.

6. Use páginas de outras empresas como inspiração

Nossa última dica é: envolva-se em processos de benchmarking, isto é, de aprendizagem a partir da concorrência. Aproveite para monitorar a página de carreira de outras empresas no mercado, avaliar o que está dando certo e adaptar isso ao seu empreendimento.

Felizmente, as maiores e mais bem-sucedidas empresas costumam ter suas páginas de carreiras. Verifique como essas empresas transmitem sua cultura organizacional, veiculam fotos e vídeos, divulgam as vagas de trabalho e apresentam seus casos de sucesso.

Para ter mais sucesso, nesse quesito, é interessante contar com o setor de marketing. Peça que eles ajudem a monitorar a concorrência, definir indicadores de desempenho e aprender com as melhores do seu mercado. Desse modo, conseguirá avançar bastante.

Enfim, agora você está por dentro de como construir uma página de carreiras. Tenha em mente que essa é uma importante aliada da sua marca empregadora. Por consequência, consiste em um instrumento-chave para a atração de talentos. Em seguida, siga as etapas descritas e terá sucesso da sua empreitada. Como resultado, terá avanços no seu recrutamento e seleção.

Gostou do nosso conteúdo? Então, aproveite para aprender mais sobre gestão estratégica de pessoas e RH tecnológico. Basta assinar nossa newsletter e receber nossas novidades diretamente em seu e-mail. Vamos lá!

Escreva um comentário