9 perguntas mais comuns em entrevista de emprego e como respondê-las

Finalmente o momento que você mais esperava chegou! Depois de deixar muitos currículos em várias empresas, chegou um e-mail na sua caixa de entrada com um convite para participar de um processo seletivo e talvez conseguir um emprego.

Depois da euforia da ocasião, você sente um frio na barriga. Afinal, elaborar boas respostas para as perguntas de entrevista de emprego é algo crucial para conquistar ou não uma vaga. É por isso que manter a calma e pensar sobre como responder cada uma delas é necessário.

Para ajudá-lo nesse momento tão importante, elaboramos uma lista com as 4 perguntas mais comuns em entrevistas de emprego e como respondê-las. Acompanhe!

1. Poderia falar um pouco sobre você?

Essa pergunta é clássica e geralmente a primeira da lista dos recrutadores. Ela é feita porque os responsáveis pela contratação precisam saber mais sobre as suas habilidades profissionais, os seus objetivos, o seu modo de agir e pensar, etc.

Nossa dica é que você fale sobre a sua formação, as suas competências e o seu jeito de ser. Seja sincero e evite cometer exageros, como falar de alguma capacidade que você não tem.

2. Por que você deseja trabalhar nesta empresa?

Também é de praxe que os candidatos sejam questionados sobre o porquê de eles terem interesse em trabalhar na empresa.

Para responder bem a essa pergunta, é interessante que você cite informações que estavam na vaga divulgada e as relacione com as suas capacidades. Assim, o recrutador pode perceber que você está realmente apto a exercer a função a que se candidatou.

3. O que você sabe sobre a empresa?

É bem comum que você precise responder o que sabe sobre a empresa. Os entrevistadores perguntam sobre isso para saber se você realmente sabe o que a organização faz e se tem identificação com a cultura organizacional.

Para responder bem a essa pergunta, convém fazer a lição de casa e acessar o site da empresa antes de ir à entrevista. Lá você poderá ler informações institucionais e saber mais sobre o trabalho realizado, respondendo a esse questionamento com maestria.

4. Quais são os seus pontos fortes e os seus pontos fracos?

Ao responder sobre os seus pontos fortes, liste-os sem parecer muito soberbo. É interessante que você relacione-os a conquistas que teve na sua vida profissional, destacando algum fato que considere relevante.

Ao abordar os pontos fracos é preciso ter mais cuidado. É claro que não existe ninguém perfeito no mundo, mas sempre podemos melhorar naquilo que não somos tão bons. Se você tem dificuldade para falar em público, por exemplo, pode comentar isso com sinceridade e dizer que está pensando em fazer um curso para resolver essa questão.

5. Qual foi a sua maior conquista profissional?

Outra das perguntas mais comuns em entrevistas de emprego é sobre a maior conquista profissional do candidato. Para responder essa questão, você precisa demonstrar ao recrutador que é eficiente e que já teve bons resultados ao realizar o seu trabalho.

Nesse momento, é interessante que você pontue algum projeto de sucesso que participou ou algum resultado efetivo, como redução de erros ou falhas em uma determinada atividade, por exemplo.

Existe uma técnica chamada STAR, que pode ser utiliza nesse momento. A ideia é que você descreva uma Situação em que esteve envolvido, a Tarefa que precisou realizar, a Ação que resolveu desenvolver e o Resultado que foi alcançado.

6. Qual foi a situação mais difícil que já enfrentou no trabalho?

Para mensurar as competências dos candidatos, os recrutadores costumam perguntar qual foi a situação mais difícil que já enfrentou no trabalho. Dessa forma, é preciso buscar na mente algum momento que foi realmente desafiador, como uma reunião com uma pessoa importante ou uma dificuldade encontrada no seu trabalho.

Pensar utilizando o método STAR, que comentamos anteriormente, pode ser utilizado novamente aqui. Porém, pense sempre em uma situação difícil que você conseguiu contornar e dar a volta por cima. De tal forma, o recrutador perceberá que você tem capacidade para resolver problemas e conquistar resultados positivos, até mesmo nas situações mais adversas.

7. O que o diferencia dos demais candidatos?

Essa pergunta é clássica, mas também é uma das que mais “derruba” candidatos em um processo seletivo. Falar bem de si mesmo nem sempre é uma tarefa fácil e nessa hora você precisa falar sobre os seus pontos positivos, as suas qualificações, formação, desempenho em outras empresas, etc.

Porém, tenha muito cuidado para não parecer arrogante e prepotente. Essas características não são bem vistas pelas empresas e você não pode diminuir colegas. Fale bem de você, mas sem desmerecer ninguém e nem falar mal dos outros.

8. Como você ficou sabendo da vaga?

Entre as perguntas mais comuns em entrevistas, também está a que fala sobre como você ficou sabendo da vaga. Nesse momento, se você soube por meio de um amigo ou conhecido que trabalha na empresa, fale o nome dessa pessoa e diga que você ficou animando quando ele contou dessa oportunidade.

Caso tenha encontrado a oportunidade em um site de vagas ou seção de classificados de um jornal, comente o que mais chamou atenção nesse anúncio, que fez você ter preferência por ele em relação aos demais.

9. Você está participando de processos seletivos em outras empresas?

O recrutador também pode perguntar se você está participando de processos seletivos em outras empresas. Nesse momento, é preciso ter sinceridade! Se a resposta for positiva, diga que sim, que você está analisando outras oportunidades.

Mentir sobre isso é errado! Os recrutadores sabem que, se uma pessoa está desempregada, por exemplo, ela busca oportunidades em vários locais. Além do mais, se a empresa gostar do seu perfil, pode até mesmo antecipar a sua contratação, para que você não seja levado por uma concorrente.

Esperamos que depois de ler este artigo você se sinta mais preparado para responder às perguntas mais comuns em entrevista de emprego. O nosso desejo é que você tenha muito êxito em toda a sua trajetória profissional.

Se você está em busca de colocação profissional, deve saber que elaborar um bom currículo é indispensável. Aprenda mais sobre isso no nosso artigo “Entenda como será o currículo do futuro e esteja preparado”.

Previous Post
Next Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *